sábado, 28 de junho de 2008

Talvez um dia...

Começo a não conseguir suportar esta saudade constante!
É uma saudade boa de sentir mas, mesmo assim, dói...
Recordo tantos momentos passados...bons, maus e até momentos mais ou menos mas que, nem por isso, ficaram menos marcados em mim.
O tempo passa e já não chega para tudo o que quero. As horas que ás vezes parecem anos quando quero que passem, assemelham-se a segundos quando o meu maior desejo é ter a capacidade e o poder de parar o tempo. Mas o tempo não para…eu não tenho poder para o parar…
Porquê?! Porque é que os momentos bons passam à velocidade da luz e os maus teimam em ficar por mais tempo?!
Porque é que tem que ser assim??? Porque é que rapidamente podemos perder as pessoas que adoramos mas continuamos a cruzar-nos com os nossos inimigos todos os dias?! Porquê?!...
Talvez um dia haja uma reviravolta e tudo mude! Talvez um dia as pessoas consigam ser um bocadinho mais felizes e aprendam a partilhar essa felicidade com os outros! Talvez um dia todos deixemos de ter inimigos e consigamos conservar os nossos amigos sempre e para sempre! Talvez um dia, quem sabe, algo de bom aconteça!

Talvez um dia...

Sem comentários:

Enviar um comentário