segunda-feira, 14 de agosto de 2017

É tão triste...

Portugal está a arder...

É tão triste. Um horror. Uma tragédia. Um grande sofrimento para todos.

A terra da minha mãe, onde tenho uma grande parte da família... a terra de muitas outras mães, de muitos outros filhos, de muitas outras famílias... está tudo a arder e parece não ter fim.

Quando é que isto acaba?


terça-feira, 8 de agosto de 2017

Ahah adoro! :D

Eu - Mãe, tens saquinhos de pano para eu pôr as peças dos jogos matemáticos? Preciso de cinco...

Mãe - Vai à gaveta dos panos que há lá muitos.

Eu - Mas são pequenos ou grandes?

Mãe - São pequeninos...

Eu - Pequeninos tipo assim ou pequeninos tipo assim? (exemplificando duas medidas diferentes com as mãos)

Mãe - Pequeninos tipo assim! (exemplificando outra medida com as mãos também)




Verão?

Estamos no verão... Certo!

Mas acreditam que eu ando em casa com uma camisola quentinha, fofinha? *.*

Não sei explicar, tenho frio!


sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Contraturas everywhere!

Tenho imensas contraturas na zona da cervical e das omoplatas...

Agora dei um jeito ao pescoço que prendeu tudo! O pescoço, o braço, as costas, o ombro....tudo está bloqueado e tenho muitas dores -.- mal me consigo mexer! O braço até está meio dormente.

Vá de comprimidos e spray's anti-inflamatórios e analgésicos :S




quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Mais um ano letivo...

Maltinha,

Sei que tenho estado (muito) desaparecida e que agora é época de férias e tal... E eu também estou a usufruir delas (finalmente!), mas há coisas que mexem connosco e que não deixam o cérebro parar de pensar no trabalho.

Bom, desde que fui dar aulas para o Sul, estive com o 3.º ano. Agora, de repente, sem me questionarem nem explicarem porquê, deram-me o 4.º ano... Por um lado, quer dizer que me renovaram o contrato para mais um ano letivo! Mas, por outro, porquê mudarem-me (só a mim) de ano?! Se não me questionaram, fui eu questionar! Dizem que me querem testar.

Testar?! Como assim?!

Fiquei sem perceber o intuito do dito teste e estou a tentar manter todos os pensamentos negativos beeeem longe!!!

Como não sou de desistir, vamos lá encarar isto e ir em frente! Vou dar (mais do que) o meu melhor e tentar deixar "os queixos caídos"! Logo se vê...

Se fosse convosco, o que fariam?